Pular para o conteúdo principal

OSX Comunidade de Biguaçú diz não !

Clique no título abaixo para direcionar para o site da notícia

Manifestação contra construção de estaleiro da OSX

Dia 9 de outubro cerca de 300 pessoas participaram da manifestação contra a construção do estaleiro da OSX em Biguaçu, Baia Norte de Florianópolis. Organizada pela Associação de Moradores e Proprietários de Jurerê Internacional (AJIN), com o apoio de outras entidades comunitárias e do Sea Shepherd, os manifestantes exigiram que o estaleiro do bilionário Eike Batista seja construído em outro local já que a área escolhida na Baia Norte para construção de grandes navios para exploração do pré-sal causará danos irreversíveis para fauna marinha, para o turismo, pesca artesanal e maricultura.

20_07_2010 Audiências públicas sobre Estaleiro OSX em Biguaçu começam nesta terça-feira.jpgPescadores de Governador Celso Ramos e Biguaçu realizaram uma "barcada" saindo de suas comunidades até Jurerê Internacional. Durante a travessia até Jurerê, Miguel, pescador da praia de governador Celso Ramo, disse: trabalho desde os 12 anos com a pesca, não quero agora virar empregado, ficar limpando escritório e os banheiros do estaleiro (...).

Leia Mais!

Abaixo-Assinado Contra a instalação do estaleiro OSX em Biguaçu-SC | Histórico do licenciamento | Entidades de maricultores dizem não ao apoio de Ministro a OSX

Na praia engenheiro naval Joel Guimarães salientou que os empregos oferecidos pela OSX não chegam perto do numero de vagas que deixarão de existir no turismo, na pesca artesanal e maricultura por causa da poluição proveniente do estaleiro.

Dilson da Costa, presidente da entidade que representa os donos de escunas de Canasvieiras, falou dos prejuízos para o setor que opera roteiros turísticos pela Baía Norte de Florianópolis, incluindo as fortalezas de Ratones e Anhatomirim e a Baía dos Golfinhos.

A manifestação iniciada por volta das 10 horas na praia de Jurerê Internacional prosseguiu à tarde com o deslocamento de alguns manifestantes até o local de construção do estaleiro (Biguaçu) e Baía dos Golfinhos, à bordo de uma escuna. A iniciativa da AJIN também teve o apoio do Movimento em Defesa das Baías de Florianópolis, Conselho Comunitário do Pontal de Jurerê (CCPontal/Daniela), Associação de Bairro de Sambaqui (ABS), Ufeco e entidades ambientalistas, entre outras.

Pressão para liberar o empreendimento do investidor de campanhas

Em setembro passado a pressão de políticos catarinenses, do Ministro de Estado da Pesca e Aqüicultura Altemir Gregolin e do governo estadual a favor do empreendimento do mega patrocinador de campanhas eleitorais, teve como consequência exoneração de Apoena Figueirôa da chefia da Estação Ecológica de Carijós (Florianópolis-SC), um dos signatários do parecer que negou anuência ao licenciamento do Estaleiro OSX.

"Não foi um ato isolado" afirmação é do analista ambiental Mário Luiz Martins Pereira, chefe substituto da Reserva Biológica (Rebio) do Arvoredo, que pediu exoneração do cargo em solidariedade a Apoena e por discordar da política ambiental do Governo Federal. Além dele, outros dois técnicos pediram afastamento de seus cargos, o chefe da Rebio do Arvoredo, Leandro Zago da Silva, e a chefe substituta da Estação de Carijós, Ednéia Corrêa, por motivos semelhantes.

Comentários

Zé Armando disse…
Deus dá a força e a ferramenta e nós temos a tarefa de fazer e construir !